Quer fazer Nutrição? A UFRJ é uma ótima opção!

Voltar

Neste post falaremos sobre o curso de Nutrição oferecido pelo Instituto de Nutrição Josué de Castro (INJC), que é uma unidade de ensino, pesquisa e extensão da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Currículo do curso

No currículo há disciplinas teóricas, práticas e estágios supervisionados (Requisitos Curriculares Complementares- RCC) nas áreas de Nutrição Normal, Nutrição Clínica, Nutrição Aplicada, Nutrição Materno-Infantil e Ciência dos Alimentos. O Departamento de Nutrição Básica e Experimental (DNBE) divide-se em dois setores, que são Ciência e Tecnologia de Alimentos e Técnica Dietética. O Departamento de Nutrição e Dietética (DND), por sua vez, divide-se em quatro setores, que são Administração de Serviços de Alimentação, Nutrição Normais, Nutrição Materno-Infantil e Nutrição Clínica. Por fim, o Departamento de Nutrição Social e Aplicada (DNSA), divide-se em três: Avaliação Nutricional, Nutrição em Saúde Pública e Educação Nutricional.

Nutrição

O complexo laboratorial na área nutricional do INJC dispõe de 10 unidades laboratoriais, as quais são classificadas em três blocos.

-Laboratórios de análise e processamento de alimentos

Responsáveis por investigar cientificamente os efeitos dos diferentes métodos de preparo dos alimentos, bem como a qualidade deles. Além disso, fazem a análise química dos alimentos e/ou a avaliação dietética. Algumas das atividades desenvolvidas nesses laboratórios são: atividades de Iniciação Científica do Curso de Graduação em Nutrição, processamento e análise sensorial dos alimentos e aulas teóricas e práticas das disciplinas e dos estágios supervisionados.

-Laboratórios de bioquímica nutricional e de alimentos

Responsáveis pela pesquisa básica experimental, sendo geralmente utilizado para desenvolver projetos de dissertações e teses do Programa de Pós-Graduação em Nutrição (PPGN). Algumas das atividades desenvolvidas nesses laboratórios são: Iniciação Científica da Graduação em Nutrição, suporte às disciplinas experimentais do Curso de Graduação e à pesquisa básica junto ao PPGN e desenvolvimento de linhas de pesquisa na área experimental.

-Laboratório de Avaliação Nutricional (LANUTRI)

Responsável por desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão na área de avaliação nutricional e promoção da alimentação adequada e saudável. O LANUTRI realiza avaliação e aconselhamento nutricional para a comunidade da UFRJ (servidores técnico-administrativos, docentes, alunos e prestadores de serviço). Além disso, empresta equipamentos portáteis destinados à avaliação nutricional, basta estar disponível e assinar um termo de responsabilidade.

O nutricionista formado no INJC

O profissional da saúde em questão, recebe uma formação generalista, humanista e crítica, sendo capacitado para atuar na segura alimentar e na atenção dietética, o que é fundamental para a promoção, manutenção e recuperação da saúde. O profissional também pode contribuir na prevenção de doenças de indivíduos ou grupos populacionais, orientando uma melhor qualidade de vida e de saúde segundo a nutrição. Além das necessidades sociais de saúde, o INJC dá ênfase no Sistema Único de Saúde (SUS).

Assim, o objetivo da graduação é formar profissionais críticos, que tenham embasamento teórico e conhecimento técnicos para desenvolver com excelência as atividades relacionadas à condição de saúde e nutrição do ser humano, seja âmbito individual ou coletivo. Os formandos devem internalizar que o aprimoramento da prática deve ser sempre prioridade, sendo necessário se atualizar constantemente com estudos, artigos e pesquisas.

Como ingressar?

A Universidade adota o ENEM como meio de ingresso. Em 2021, as notas mínimas para todos os cursos foram 300 pontos em redação, 0.01 em Matemática, 0.01 em Ciências da Natureza, 0.01 em Ciências Humanas e 0.01 em Linguagens. Em relação aos pesos, para o campus INJC, foi adoram adotados os seguintes: peso 3 para Redação, peso 1 para Matemática, peso 2 para Ciências da Natureza, peso 1 para Ciências Humanas e peso 1 para Linguagens.

Ao todo, o INJC ofereceu 45 vagas para o curso Integral de Graduação em Nutrição, as quais 22 vagas eram de ampla concorrência. As demais, ficaram divididas para as políticas de cotas da UFRJ.

Como consta no site oficial do INJC, “O nutricionista é um profissional de saúde com formação universitária, capacitado e habilitado para planejar, organizar, coordenar, comandar, supervisionar e avaliar políticas de alimentação e nutrição em todas as esferas, tanto no setor público quanto privado.”

Quando o aluno finaliza o curso, ele terá adquirido habilidades e competências para que desenvolva as atividades previstas na legislação específica da área de alimentação e nutrição: orientar os indivíduos sobre o conteúdo nutricional dos alimentos e sobre como fazer um bom uso dos alimentos de acordo com suas necessidades energéticas, idade, trabalho, rotina, patologias, situações de saúde e momentos biológicos. Tudo isso para que se reduza os males causados à saúde devido à má alimentação, já que todo cidadão tem o direito a meio e recursos de acesso a alimentos saudáveis.

Como consta na Lei CFN nº8234/91, somente nutricionistas podem prescrever dietas, realizar orientação nutricional e alimentar aos indivíduos.

Possíveis áreas de atuação

As áreas são diversas, mas podemos citar Alimentação Coletiva, Nutrição Clínica, Saúde Coletiva, Nutrição e Atividade Física, e Indústrias de Alimentos.

A Alimentação Coletiva manipula, produz e fornece refeições para grupos, como, por exemplo, em empresas que produzem alimentação para empregados e clientes, empresas de congelados que fornecem dietas/refeições completas, empresas de convênios (vales alimentação e refeição) e fornecedoras de cestas de alimentos, e creches, escolas e hospitais.

A Nutrição Clínica, presta assistência e intervenção dietética nutricional, podendo atuar em hospitais, clínicas, ambulatórios, consultórios, spas e instituições geriátricas, por exemplo.

A Saúde Coletiva, por sua vez, se caracteriza por planejar, coordenar e supervisionar programas e políticas de alimentação e nutrição e pesquisas nas áreas. Pode atuar em Unidades de saúde (ambulatórios em postos de saúde) e Clínicas de Saúde da Família, em programas de educação alimentar e nutricional para empresas privadas, creches, escolas, instituições geriátricas, hospitais, e também na vigilância sanitária, prestando assistência também a restaurantes comerciais e institucionais.

A Nutrição e Atividade Física podem se interligar para avaliar e prestar assistência nutricional para grupos que pratiquem atividade física regular e/ou de competição. Alguns locais de atuação são: academias, spas, clubes e secretaria de esportes.

Por sim, na área de Indústrias de Alimentos, as atividades que se destacam são as pesquisas de novos produtos, o serviço de atendimento ao cliente e o desenvolvimento de manuais de procedimentos.

Nos acompanhe no Instagram para mais informações sobre as universidades e cursos! E continue acompanhando o blog!!!

Todas as informações foram retirados dos sites oficias da UFRJ  e do INJC.