UEL é a melhor opção no Paraná?

Voltar

 Sobre a UEL

Bom, caro vestibulando, se você procura excelência comprovada, a Universidade Estadual de Londrina é a sua opção. Em 2020, a Universidade foi apontada em 5 rankings internacionais. Está entre as 48 melhores da América Latina, segundo  The Times Higher Education Latin America University e ocupa a 5ª posição entre as instituições estaduais de Ensino Superior do Brasil. Para o Times Higher Education, a UEL está entre as três melhores do Paraná e permanece como 1ª pública estadual do Paraná.

Já cansou? Ainda tem mais! É a 4ª melhor estadual do país, de acordo com o QS World University Rankings e a 10ª colocada entre as brasileiras. Por último, a UEL conquistou o 9° lugar no UI GreenMetric World University Ranking 2017 entre as universidades brasileiras, e ocupa a 354ª colocação em nível mundial.

A universidade incentiva a Iniciação científica em todos os níveis de ensino, disponibiliza laboratórios multiusuários para pesquisas e orienta processos de revalidação de diplomas estrangeiros, ampliando a inserção da UEL no âmbito internacional.

As extensões universitárias da UEL contemplam as áreas de comunicação, cultura, educação, meio ambiente, direitos humanos e justiça, tecnologia e produção, trabalho e saúde. Destacam-se projetos voltados ao empreendedorismo, agricultura orgânica, assistência jurídica e psicológica, e atividades culturais.

Encontrou algum erro? Pois, perfeita.

A Universidade Estadual de Londrina, uma entidade pública, gratuita e de qualidade, preza por uma gestão democrática, com autonomia didática-científica plena, e é comprometida com o desenvolvimento e transformação social, econômica, política e cultural do Estado do Paraná e do Brasil.

A indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão é algo pelo que a universidade preserva, além de buscar garantir igualdade de condições de acesso e permanência dos discentes, liberdade e pluralismo de ideias. Como finalidade, a UEL dissemina suas produções e conhecimentos para formar cidadãos e profissionais com competência técnica e humanística, orientada por valores éticos de liberdade, igualdade e justiça social.

Quais são os cursos?

A UEL fornece os seguintes cursos: Administração, Agronomia, Arquitetura e Urbanismo, Arquivologia, Artes Cênicas, Artes Visuais, Biblioteconomia, Biomedicina, Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Ciências Sociais, Design de Moda, Design Gráfico, Direito, Educação Física, Enfermagem, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Esporte, Farmácia, Filosofia, Física, Fisioterapia, Geografia, História, Jornalismo, Letras, Matemática, Medicina, Medicina Veterinária, Música, Odontologia, Pedagogia, Psicologia, Relações Públicas, Química, Secretariado Executivo, Serviço Social, Zootecnia.

Bom, deu para ver que opções não faltam né? O campus atende às demandas de todas as áreas e também percebemos que valoriza cursos “diferentões”, como Arquivologia, Biblioteconomia, Design de Moda, Artes Cênicas, Música, Secretariado Executivo e outros.

Como ingressar?

A UEL possui um vestibular próprio que é dividido em duas fases. A primeira possui 60 questões de múltipla escolha sobre conhecimentos gerias acerca das seguintes matérias: Artes, Biologia, Filosofia, Física, Geografia, História, Matemática, Química e Sociologia. A duração da prova é de 4 horas.

A segunda, por sua vez, se divide em 2 (ou 3) partes. A primeira etapa  possui 20 testes de Língua Portuguesa e Literatura, 10 de Língua Estrangeira (Espanhol, Inglês ou Francês) e de duas a quatro propostas de Redação. Essa etapa ocorre em um determinado dia e tem duração de 4 horas.

A segunda etapa é realizada em um segundo dia e os candidatos devem responder 12 questões discursivas de três disciplinas específicas ao curso escolhido. A terceira etapa, em um terceiro dia, é uma Prova de Habilidades Específicas aos candidatos dos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Artes Visuais, Design Gráfico, Design de Moda e Música. Ambas etapas citadas possuem duração de 4 horas. Quase um triátlon, certo? Mas força.

17,5% das vagas da graduação são destinadas ao Sistema de Seleção Unificado (SiSU), o qual usa as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) como critério de seleção. Além disso, as vagas remanescentes do vestibular são oferecidas para participantes do Enem. Até 40% das vagas de cada curso são reservadas aos estudantes de instituições públicas de ensino, sendo quase metade dessa porcentagem destinada a candidatos que se autodeclaram negros.

Exemplos de questões

 Há várias versões de provas de um ano só e elas possuem temas. Vejamos essa do vestibular de 2020, cujo tema foi “Museus”.

1)  Museus são espaços de produção e difusão de conhecimento. Em suas diversas manifestações, promovem exposição, documentação e preservação dos patrimônios naturais, culturais e científicos, os quais, ao longo do
tempo, se transformaram em instituições sociais e educativas. São espaços de conhecimento e se destacam pela
arquitetura executada em determinado contexto histórico, social e geográfico.
Com base nos conhecimentos sobre arte arquitetônica, relacione as figuras a seguir com suas respectivas características arquitetônicas.

(A) Retomada dos modelos clássicos, buscava a perfeição e a beleza por meio do uso de formas equilibradas, proporcionais e harmoniosas, que visavam à simetria e à ordem. Uso de arcos, abóbadas, cúpulas e colunas.

(B) Valorização do passado histórico e baseada nos ideais iluministas, busca o racionalismo e o academicismo. Uso da proporção e da clareza, da simplicidade e do equilíbrio das formas, visando à harmonia e à beleza estética.

(C) Uso de materiais de alta tecnologia, valorização da população usuária na elaboração dos projetos, contribuindo para uma arquitetura mais humana e ambiental, preocupada com a preservação de recursos naturais.

(D) Mistura de várias tendências, utilizando formato irregular, incomum, pisos abertos, grandes dimensões e diversidade de materiais, privilegiando a funcionalidade, o conforto, o design orgânico e a economia verde.

Assinale a alternativa que contém, de cima para baixo, a sequência correta.

a) I-A, II-C, III-B, IV-D

b) I-A, II-D, III-B, IV-C

c) I-B, II-D, III-A, IV-C

d) I-B, II-C, III-A, IV-D

e) I-D, II-C, III-A, IV-B

37) Escultura é a arte da tridimensionalidade, pois transforma a forma em volume e faz a relação entre o espaço físico e a forma com volume, altura e profundidade.

Com base nos conhecimentos sobre as características gerais da escultura, atribua V (verdadeiro) ou F (falso) às afirmativas a seguir.

( ) As esculturas gregas são estáticas e têm função decorativa; baseiam-se em cânones religiosos, na valorização da nobreza, despreocupadas com a beleza física e com o realismo em suas representações.

( ) As esculturas renascentistas apresentam a beleza absoluta, características da escultura clássica, expressando o pensamento humanista e a tridimensionalidade profunda.

( ) As esculturas impressionistas rompem com os padrões estabelecidos, desvalorizam o aspecto externo de acabamento e deixam as obras em estado bruto dando a impressão de figuras surgindo naquele momento.

( ) As esculturas concretas rompem com as propostas das vanguardas artísticas, trazendo uma tridimensionalidade estática, sem movimento ou interferência do espectador.

( ) As esculturas contemporâneas possibilitam o abandono de suportes tradicionais, liberdade e subjetividade na produção, efemeridade das obras e mesclam diferentes estilos e materiais.

Assinale a alternativa que contém, de cima para baixo, a sequência correta.

a) V, V, F, F, V.

b) V, F, V, F, F.

c) F, V, V, V, F.

d) F, V, V, F, V.

e) F, F, F, V, V.

 

Agora, vejamos algumas questões da segunda fase, primeira etapa, com língua estrangeira espanhol:

8) Sobre as trajetórias de personagens femininas nas obras, considere as afirmativas a seguir.

I. Teresa, de Amor de perdição, é uma típica personagem romântica, perseguida por sofrimentos, enquanto Henriqueta, de O demônio familiar, prepara várias artimanhas para ludibriar seus pretendentes, sem portar-se de modo honrado.
II. Clara, em Clara dos Anjos, resolve tornar-se prostituta após ter sido abandonada grávida pelo namorado, enquanto Madama Carlota, a cartomante de A hora da estrela, relata ter vivido muitos infortúnios, incluindo a prostituição.
III. Carlotinha, de O demônio familiar, é uma jovem espevitada que ousa rejeitar um pretendente indesejado, enquanto Alice, de Quarenta dias, assume o encargo de localizar o jovem desaparecido, a despeito de estar numa cidade pouco conhecida.
IV. Glória, colega de trabalho de Macabéa, em A hora da estrela, põe seus desejos e sensualidade acima do senso de amizade, enquanto Norinha, a filha de Alice, em Quarenta dias, tem um percurso individualista ao submeter a mãe a grandes alterações de hábitos.

Assinale a alternativa correta.
a) Somente as afirmativas I e II são corretas.
b) Somente as afirmativas I e IV são corretas.
c) Somente as afirmativas III e IV são corretas.
d) Somente as afirmativas I, II e III são corretas.
e) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas.

24) Na língua portuguesa, é comum que as preposições se juntem aos artigos e a alguns pronomes formando as contrações. No entanto, no espanhol, isso ocorre com menos frequência.
Assinale a alternativa que contém um período com duas únicas contrações no espanhol formadas pela soma de uma preposição e de um artigo.
a) Estos señalizan el momento oportuno para cruzar (verde) y cuándo se debe esperar en la vereda (rojo).
b) Se ubican en lugares con un alto flujo peatonal y son claramente visibles para los conductores.
c) El objetivo es proteger al peatón, porque es el usuario más vulnerable del tránsito en una ciudad.
d) Los topes impiden el ingreso de vehículos en la vereda, o en áreas destinadas a la circulación de peatones.
e) También sirven para ayudar a dirigir el flujo peatonal hacia instalaciones que ofrezcan mayor seguridad de tránsito.

Uma das redações:

REDAÇÃO 2
Leia a charge a seguir.

A charge aborda um tema novo no âmbito educacional brasileiro: o ensino domiciliar. Em um texto de 4 a 6 linhas, exponha o que se pode depreender da charge em questão.

Sobre a cidade Londrina

Londrina é uma cidade do interior com alguns traços de metrópole, como trânsito intenso e vida noturna ativa. Sua área total de 1.653 km² totaliza um território maior que a capital paulista São Paulo. É a 6ª cidade brasileira em número de edifícios e a 12ª cidade mais verticalizada no mundo.

Devido ao trânsito e a extensão, aconselha-se morar perto dos locais de trabalho e escola, pois isso lhe custará menos tempo de seu dia. Além da vida noturna, a cidade oferece opções de lazer mais calmas como shoppings, ótimos restaurantes e comércios no geral.

A cidade oferece, ainda, contato com a natureza através de suas inúmeras áreas verdes e do Lago Igapó, que corta toda a cidade. O município abriga também diversos eventos, shows, feiras e exposições, sendo a de mais destaque a ExpoLondrina, que é uma exposição agropecuária e industrial.

Em relação à saúde, o município também se destaque pela qualidade das instituições públicas e privadas que formam profissionais excelentes de toda as áreas médicas. A cidade tem uma ótima estrutura, é bem desenvolvida e não para de crescer.

Avenida Higienópolis

A história da avenida é fruto da Capital Mundial do Café que Londrina foi nos anos 60. Com a necessidade de urbanização, a avenida é um símbolo do avanço da cidade, que foi construída com o objetivo de ser um reduto da elite que lá morava. A intenção do projeto, na década de 30, era trazer o estilo de vida da capital paulista, São Paulo, para o Norte do Paraná. Nos anos 50 e 60 o projeto se concretizou com a construção de palacetes e mansões -alguns permanecem na avenida até hoje.

 

 

E ai, o que me diz? É a melhor opção ou não? Se você se interessou, corre para o Instagram do GabaritaGeo e estude conosco!

 

As informações do post são oriundas do site oficial da Universidade Estadual de Londrina.